Por: Natasha Sá Osório (texto) e Anamaria Mota (ilustração)

Você coleciona carimbos no passaporte ou talões de compras? Vai à caça de culturas antigas ou de ondas radicais? Não dispensa o tour gourmet ou o smartphone? Descubra que tipo você faz e os destinos que estão à sua espera! 

Miss Bicho Grilo

Viajar para a Miss Bicho Grilo é um estilo de vida. Ela dorme em qualquer canto, pede carona e vende bijuteria para sobreviver. O lema é praticar o desapego, compartilhar momentos e viver a vida ao som de reggae, música eletrônica e bandas associadas com o movimento hippie como Janis Joplin e The Who. Algumas praticam yoga, outras preferem outros tipos de relaxamento da mente menos ortodoxos. Pregar sobre o amor livre como se fossem os anos 60 e viver ligada à natureza continua bem presente nas estradas do mundo.

Melhores destinos: Rio de Janeiro e Arembepe (Brasil), Nimbin (Austrália), Montanita (Equador), São Francisco (Estados Unidos), Ibiza (Espanha), Goa (Índia), Panajachel (Guatemala), Christiania (Dinamarca) e El Bolson (Argentina).

Miss Saldão

 

Miss Saldão

Não tem como adocicar a realidade: a Miss Saldão viaja para comprar. Com o seu faro apuradíssimo ela encontra as melhores barganhas em qualquer canto do mundo, tem os cartões de crédito organizados na carteira em degradê e anda sempre de sacolas em punho. Pode não conhecer a Estátua da Liberdade, mas entrou em todas as lojas que fizeram parte do último Black Friday em Nova York. Nos últimos tempos, temos visto uma nova variedade da Miss Saldão que é a Miss Enxoval de Bebê, que é a que compra tudo lá fora a preço de banana antes da chegada do pimpolho.

Melhores destinos: Miami, Nova York, Orlando e Las Vegas (Estados Unidos), Dubai (Emirados Árabes), Milão (Itália), Ciudad del Este (Paraguai), Londres (Reino Unido) e Hong Kong (China). Se for uma shopaholic com amor a produtos étnicos, a Índia e o sudeste asiático farão a Miss Saldão perder a cabeça.

Miss Sofisticada

 

Miss Sofisticada

A Miss Sofisticada não está de brincadeira: ela viaja a trabalho ou com o intuito de conhecer o que de mais requintado há nos destinos. A farda dela é o tailleur, a camuflagem é a maquiagem impecável e os cabelos sempre em ordem. Ela se hospeda nos melhores hotéis, é amante de comida gourmet, não perde uma boa ópera e anda sempre de táxi ou com o motorista da empresa. Ela distingue Bolshoi da Royal Academy e, se você estiver sorrindo e acenando enquanto lê isto, provavelmente também já conhece todos os destinos que as Misses Sofisticadas do mundo gostam de visitar.

Melhores destinos: Nova York e Washington (Estados Unidos), Paris (França), Moscou (Rússia), Barcelona (Espanha), Cingapura, Pequim (China) e Sidney (Austrália).

 

Miss Cyborg

 

Miss Cyborg

A Miss Cyborg é fácil de distinguir de todas as outras viajantes porque ela tira foto antes de ver a paisagem, enquanto fala com as amigas no smartphone e posta o que está fazendo nas mídias sociais através do tablet. É aquela garota obcecada por tecnologia que não vive sem os meios de comunicação, o leitor de música, o laptop, o GPS e todos os gadgets de viagem. A Miss Cyborg tem um faniquito quando o restaurante não tem wifi (“Como é possível?! Num país desenvolvido desse!!”) e, de quebra, acampa na frente das lojas quando sai o último modelo eletrônico que revoluciona as formas de viajar. Instalados no seu smartphone estão os aplicativos que guardam o ticket eletrônico e ajudam a encontrar um bom museu.

Melhores destinos: Londres (Reino Unido), Tókio (Japão), Ciudad del Este (Paraguai), Hong Kong (China), Nova York e São Francisco (Estados Unidos). 

Miss Bicho Grilo

 

Miss Indiana Jones

A Miss Indiana Jones se veste sempre em tons neutros quando viaja (ela sabe que são as cores que melhor disfarçam as manchas e são fáceis de lavar), usa chapéu para o sol ou para a chuva, colete com vários bolsos, papetes, calças que viram shorts, e tudo o que seja prático para explorar a natureza e os museus sobre culturas antigas. É expert em mapas e tem um vasto conhecimento sobre o mundo. Não viaja sem uma bússola, um caderninho de anotações e o seguro de viagens.

Melhores destinos: Amazonas e Foz do Iguaçu (Brasil), deserto de Atacama (Chile), Machu Picchu (Peru), ruínas Maias (México), Galápagos (Equador), Patagônia (Chile e Argentina), Grand Canyon (Estados Unidos), Grécia, ruínas de Angkor (Camboja), Marrocos e Egito (verifique a segurança no país antes de visitar). 

 Miss Radical

Miss Radical

A Miss Radical viaja em busca do próximo desafio: as melhores praias para fazer surf, trilhas difíceis, os mares cheios de corais e peixes para fazer mergulho, escalada, esportes radicais como bungee jumping, rafting e zorbing, tudo rola! Viciada em adrenalina, a Miss Radical cuida da forma física e tem um monte de amigos homens que a adoram. Ela tem alergia ao sossego e gosta de quebrar a rotina.

Melhores destinos: Chapada Diamantina e lado brasileiro de Foz do Iguaçu (Brasil), Baños (Equador), Mancora e Huacachina (Peru), México, Havaí (Estados Unidos), Ericeira (Portugal), Monte Kilimanjaro (Tanzânia), Koh Tao (Tailândia), Nepal, Himalaia, Nova Zelândia e costa leste da Austrália.

 

 

Miss Poliglota

 

Miss Poliglota

A Miss Poliglota faz longos mochilões, é extremamente sociável, tem amigos do mundo inteiro, fala “oi” (e palavrões!) em diversos idiomas e sempre começa uma história falando “uma vez eu estava na Bahia/Tailândia/subindo um vulcão/etc”. Pode ter um pouco a mania que sabe tudo de viagens, mas também acabou se tornando consultora dos amigos. Ela faz coleção de carimbos no passaporte, saltando de destino em destino como se fosse uma maratona, e cola bandeirinhas dos países que visitou na mochila. Sempre se hospeda em hostel, porque sabe que aí é fácil conhecer pessoas como ela.

Melhores destinos: trechos do globo onde é possível percorrer vários lugares de uma assentada só, como a Europa, o Sudeste Asiático, a América Central e até a costa leste da África e da Austrália.

Comentários

Muitoooooo bom! Perfis psicológicos muito bem definidos. Adorei o texto e as ilustrações. Parabéns!!! A Mulher Viajante está com tudo! :)

Não me encaixo em nenhum desses estereótipos. Viajo para conhecer lugares e coisas diferentes. Gosto de falar com as pessoas (mesmo com dificuldades), curto paisagens, adoro ver as grandes obras de arte. Prefiro os cafés, bares e restaurantes frequentados pelos nativos. Minha roupa e calçados têm que ser confortáveis, bolsa de material leve para ficar só o peso do que levo dentro dela. Como detesto o frio, só viajo para os lugares em que é primavera ou verão, então é mais fácil levar alguma roupa leve e adequada para alguma ocasião mais formal. Só compro alguma coisa que seja bonita e bem típica do lugar. Planejo a viagem, mas não gosto da idéia de que "coisas programadas nunca saem do programa". Viajar para mim é liberdade e inovação, gosto das mudanças de plano. Se mudo, é porque apareceu algo mais interessante.

Oi Maura! Obrigada pelo seu comentário tão inspirador! Na verdade, todas nós somos um pouquinho de cada uma destas viajantes - e muito mais! Comente sempre =)

Comentar

Plain text

  • Nenhuma tag HTML permitida.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Filtered HTML

  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <cite> <blockquote> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd> <p> <iframe>
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Gmap

  • Insert Google Map macro.