Por: Juliana Siqueira

Esperar na fila do check-in, andar pelos terminais, levantar peso, espremer-se nos corredores do avião e ficar horas a fio em uma poltrona: viajar pede roupas práticas e confortáveis, e não é preciso abrir mão do glamour para isso. Afinal, não há nada mais deselegante do que viajar desconfortável ou com uma roupa que não se ajuste ao momento. O modelito será escolha sua, mas algumas dicas e sugestões são bem-vindas na hora de montar o look. Confira:

 

1 – Calça, saia ou vestido?
Saias e vestidos podem ser um incômodo para viajar de avião, pois restringem o movimento. Além disso, você pode sentir frio por causa do ar condicionado. O mesmo vale para o uso de shorts. Evite macacões, que podem ser bem chatos nas idas ao banheiro. Prefira as calças mais soltinhas e molinhas, com stretch ou fibras naturais – como algodão. Legging também é uma boa pedida, contanto que não seja apertada.

 

2 – O que NÃO fazer:
Evite tecidos que amarrotem. Blusas de malha, como a viscolycra, são as indicadas, pois não prendem o corpo, são confortáveis e não amarrotam com facilidade. Decotes muito grandes também devem ser descartados. Não é legal ficar o tempo todo se preocupando em verificar se está mostrando mais do que devia. Para não passar frio (ou, em viagens minimalistNada apertadoas, até usar como apoio das costas ou pescoço!), vale a pena levar um agasalho a bordo. De preferência um que não atrapalhe seus movimentos e que seja quentinho na medida certa. Se estiver viajando de blazer corporativo ou casacos volumosos, é possível pedir à aeromoça para guardar num armário. Só não se esqueça de levar depois!

 

3 – Nada apertado
A regra geral é evitar roupas apertadas: calças muito justas, como as de couro, blusas colantes e sapatos que machucam. Nosso corpo pode inchar no avião por causa da falta de movimento e da gravidade, e isso vai tornar as roupas justas ainda mais desconfortáveis. Isso vale também para a calcinha e o sutiã. Prefira os modelos sem arame e sem costura.

 

4 – O calçado ideal
Exceto se você realmente se sentir mais confortável, sapatos de salto alto devem ser deixados na mala. O ideal para o avião é usar um calçado que você já esteja acostumada a usar e que não aperte. Tênis e sapatilhas podem ser uma boa pedida, pois são confortáveis e fáceis de tirar e calçar. Evite botas, pois além de apertarem no caso de ocorrer inchaço dos pés, outro inconveniente é ter que tirar as botas na hora de passar pelo raio-x do aeroporto, prática cada vez mais comum em voos internacionais. Só lance mão desse recurso se for enfrentar baixas temperaturas logo que sair do aeroporto e não quiser trocar de calçado no saguão. Nesse caso, opte por botas sem salto. 


 5 – E os acessórios?

roupa ideal para viajarAcessórios podem fazer parte do seu look de viagem: bolsa, óculos escuros, relógio de pulso e bijus leves são os mais indicados. As écharpes são um coringa: podem servir pra dar um up no visual e para te  aquecer caso sinta frio na aeronave. Nada de exageros, como misturar tendências e usar seus maxi colares, pulseiras e anéis descolados todos de uma vez. A bolsa não deve ser grande demais para que caiba debaixo do assento da frente e possa ter acesso ao que precisar durante a viagem. Mas também não muito pequena: nela deve caber seus documentos de viagem, uma nécessaire com make e remédios, a carteira e algum outro acessório que estiver levando, como os óculos e a caixa para guardá-los. 

 

6 – Penteados e maquiagem 
O ideal é fazer a viagem com cabelos soltos: se estiverem presos, muito provavelmente irão despentear durante o voo, especialmente em viagens longas, e você não poderá encostar a cabeça no assento. Quanto à maquiagem, o principal é manter a pele bem hidratada. Se não quiser ficar de cara lavada, use apenas uma maquiagem simples, como blush e batom. O uso de make no avião é controverso, por isso saiba como fazê-lo da maneira mais correta.  Aproveite o banheiro do avião para arrumar o visual quando estiver perto de pousar.

 

Comentar

Plain text

  • Nenhuma tag HTML permitida.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Filtered HTML

  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <cite> <blockquote> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd> <p> <iframe>
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Gmap

  • Insert Google Map macro.